Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Infectologia

Pneumologia

Doenças Respiratórias

Uma menina de 14 anos apresenta-se com febre baixa e tosse há 3 semanas. Seu exame radiológico de tórax evidencia uma pneumonia intersticial. O diagnóstico mais provável é:

A
Pneumonia viral
B
Pneumonia por Mycobacterium tuberculosis
C
Pneumonia por Mycoplasma
D
Pneumonia aspirativa
E
Pneumonia por Chlamydia
Um paciente do sexo feminino, de 50 anos de idade, portador de diabetes mellitus tipo II, em tratamento com hipoglicemiante oral, glicemia pré-operatória de 95 mg/dl e Hemoglobina Glicada de 5%, será submetido à colecistectomia videolaparoscópica. De acordo com a Classificação do Estado Físico da American Society of Anesthesiologists (ASA), a classe na qual se enquadra o paciente é:
O neurotransmissor e a região do sistema nervoso central mais fortemente implicados na etiopatogenia do delirium são:
Criança de 3 anos, com história ou crises convulsivas, em uso regular de fenobarbital dá entrada no Pronto-socorro com convulsão tônico clônico generalizada de duração maior do que15 minutos, segundo relato dos pais. Mãe refere que a criança não recebeu as últimas 2 doses da medicação. Qual é a sequência adequada de condutas para esse caso?
Uma criança apresenta exantema eritematoso puntiforme, palidez perioral e linhas nas dobras de flexão, com posterior descamação extensa. Esses achados são característicos do diagnóstico de:
Compartilhar