Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Pneumologia

Paciente feminino, 49 anos, emagrecimento de 8 kg nas últimas 4 semanas, insônia, tremores e labilidade emocional. Peso atual = 72 kg. Tireóide de tamanho normal, sem nódulos, móvel e de consistência fibroelástica. Exames laboratoriais: TSH 0,001 (referência: 0,4-4,0mUI/mL) e T4L 1,60 (referência: 0,8-1,9ng/dL). Anticorpo anti-tireoglobulina positivo. Captação tiroidiana nas 24h (I131): 20%. A PRINCIPAL HIPÓTESE diagnóstica é: Referência: GOLDMAN, L.; AUSIELLO, D. Cecil - Tratado de Medicina Interna - 21ª Edição

A
Tireotoxicose
B
Doença de Graves
C
Tireoidite subaguda
D
Administração exógena de levotiroxina
E
Nenhuma das alternativas acima (A, B, C ou D) está correta
Uma paciente de 30 anos, de aspecto emagrecido é atendida com quadro de taquicardia, febre e confusão mental, seguida por convulsões. Familiares relatam histórico de “doença da tireoide”. Em relação a este caso, assinale a opção correta.
A dosagem de anti-CCP (peptídeo citrulinado cíclico) é útil para o diagnóstico e monitoramento de:
Microorganismos que frequentemente causam peritonite primária em hepatopatas crônicos:
É INCORRETO afirmar, em relação à ruptura da bexiga:
Compartilhar