Questões na prática

Clínica Médica

Endocrinologia

Nefrologia

Uma mulher de 40 anos de idade é avaliada por hipocalemia, expansão do volume do espaço extracelular, hipertensão arterial sistêmica e alcalose metabólica. O diagnóstico mais provável é:

A
insuficiência primária de suprarrenal.
B
abuso de diuréticos.
C
hiperaldosteronismo primário.
D
anorexia nervosa com bulimia.
E
Síndrome de Bartter.
Mulher de 45 anos admitida com queixas de cefaleia intensa, sudorese, taquipneia, palpitações e vômitos. Ao exame, apresentava PA: 220 x 110 mmHg, FC: 112 bpm , rubor facial e extrema ansiedade. Qual a MELHOR hipótese diagnóstica para o caso?
Mulher, 52 anos de idade, assintomática, em início de menopausa, apresentou em exames de rotina AST: 210 U/dl, ALT: 102 U/dl, gamaglutamiltransferase: 92 U/l. Não faz reposição hormonal. Nega transfusões sanguíneas e tem apenas um parceiro sexual. O exame físico é normal. Realizou exames adicionais que revelaram Hb: 13,2 g/dl, Ht: 37%, leucograma: 5.700 leucócitos/mm³ sem desvios, glicemia: 82 mg/dl. Anti-HCV positivo, AgHBs negativo, índice de saturação de transferrina: 40%, ferritina sérica: 850 mcg/dl. Anticorpos antimitocôndria, antimúsculo liso e anti-LKM negativos. Anticorpos anti-TPO positivos. O passo seguinte, entre os exames complementares, é:
Um paciente com este exame de fundoscópico apresenta como principal dado clínico: (VER IMAGEM)
Em relação à sorologia das hepatites virais marque a alternativa INCORRETA.
Compartilhar