Questões na prática

Clínica Médica

Ginecologia e Obstetrícia

Endocrinologia

Reumatologia

Ginecologia

Uma mulher de 50 anos de idade teve seu último ciclo menstrual há um ano após histerectomia subtotal abdominal. Apresenta sintomas do tipo fogachos, déficit de memória e adinamia. Sua mãe, de 70 anos de idade, fraturou recentemente o quadril, e uma prima de 2° grau tem câncer de mama. A paciente está preocupada com a osteoporose e pergunta de que forma esta pode ser evitada. Um exame de densitometria óssea de três anos atrás quando menstruava mostrava valores abaixo da faixa etária esperada. Qual das seguintes medidas preventivas seria a mais útil para esta paciente?

A
Iniciar um programa de exercício com atividade de impacto.
B
Orientar a ingestão de cálcio para 1.500 mg/dia e vitamina D 800 UI/dia, além do sol e exercício físico.
C
Orientar a ingestão de cálcio para 1.500 mg/dia e vitamina D 400 UI/dia, monitorar através de densitometria óssea até atingir níveis de osteoporose para iniciar droga antireabsortiva.
D
Orientar a ingestão de cálcio para 1.000 mg/dia e vitamina D 800 UI/dia, associar terapia hormonal estrogênica.
E
Orientar a ingestão de cálcio para 1.000 mg/dia e vitamina D 200 UI/dia, associar droga antireabsortiva.
Paciente do sexo feminino, 35 anos, branca, deu entrada no pronto socorro com quadro de emagrecimento, intolerância ao calor, palpitações, insônia, tremores e sudorese há 4 meses. Nega patologias prévias, uso de medicações, tabagismo e alcoolismo. Ao exame físico, paciente em bom estado geral, exoftalmia discreta, bócio volumoso, IMC: 19,9kg/m², circunferência abdominal: 70cm, PA: 150x60mmHg, FC: 120bpm, auscultas respiratória e cardíaca sem alterações. Exames laboratoriais: TSH: 0,01 (0,35 – 4,5), T4l: 6,5 (0,7 – 1,8), TRAb: +, Anti-TPO: +, hemograma, glicemia, eletrólitos e função renal dentro da normalidade. Assinale a alternativa correta, quanto ao diagnóstico etiológico desse caso.
Interprete os resultados da análise do LCR abaixo, de uma criança de 3 anos com suspeita de meningite: Aspecto: Turvo; prot: 200 mg/dL; glicorraquia: 20 mg/dL; leucócitos: 510/mm3 (80% seg. e 10% linf) bacterioscopia: diplococos gram positivo. O provável diagnóstico é:
A decisão sobre a realização de um exame diagnóstico está diretamente ligada às hipóteses diagnósticas para um determinado paciente: sintomas, sinais e fatores de risco específicos aumentam ou diminuem a probabilidade de identificar uma doença ou agravo. Dessa maneira, pode-se afirmar que:
No tratamento inicial das queimaduras na fase pré-hospitalar, são corretas as seguintes providências:
Compartilhar