Questões na prática

Clínica Médica

Hepatologia

Uma mulher de 55 anos de idade é levada ao pronto-socorro com história de aumento progressivo do abdome nos últimos 6 meses e, há 2 dias, iniciou com confusão mental e sonolência. Tem antecedente de tabagismo e etilismo nos últimos 20 anos. Exame físico: confusa, desorientada e sem déficit motor. A temperatura axilar é de 36,8°C, pulso de 80 bpm e PA de 110X70mmHg. Abdome difusamente doloroso com ruídos hidroaéreos ausentes, ascite importante e esplenomegalia. Auscultura cardiopulmonar normal. Os exames de sangue mostram hemoglobina de 9,5 g/dL, 2.500 leucócitos/mm³, 65.000 plaquetas/mm³, sódio 132mEq/L, potássio de 4,1mEq/L, creatinina de 1,2mg/dL, amílase 80mg/dL, glicemia de 98mg/dL, albumina de 2,5g/dL. A análise do líquido ascítico mostrou 1000 células/mm³, sendo 60% de neutrófilos e 40% de linfócitos e albumina de 0,5g/dL. Qual a melhor hipótese diagnóstica ?

A
Peritonite espontânea.
B
Pancreatite aguda.
C
Trombose mesentérica.
D
Obstrução intestinal.
Ao realizar uma cardiotocografia basal em uma paciente portadora de gestação de alto risco registraram-se oscilações dos batimentos cardíacos fetais (bpm) com amplitude variando entre 10 e 25 bpm e frequência acima de duas oscilações por minuto. Com base nesses dados podemos afirmar:
Qual dos seguintes casos teria indicação de valvotomia mitral por balão?
Julgue os itens abaixo, a respeito do hantavírus: I. É uma virose emergente, de muita gravidade. II. O homem se infecta pela inalação de aerossóis gerados por secreções corpóreas de roedores. III. A síndrome pulmonar do hantavírus é de alta letalidade, caracterizada por um aumento de permeabilidade capilar. IV. O homem infectado pode apresentar febre hemorrágica com síndrome renal. V. O reservatório do vírus são os roedores do campo que invadem as casas durante o inverno e na época da colheita. A quantidade de itens certos é igual a:
Mulher, 35 anos, vítima de atropelamento por ônibus, é submetida à drenagem torácica por pneumotórax à esquerda, em cujo frasco há intenso borbulhamento. Ao exame, percebe-se ausência de reexpansão pulmonar. Radiograma de controle mostra colabamento do pulmão esquerdo. A administração de 2 litros de cristaloides aquecidos não melhora as condições hemodinâmicas. Qual é a hipótese diagnóstica mais provável?
Compartilhar