Questões na prática

Clínica Médica

Hepatologia

Uma paciente de 35 anos é levada ao pronto-socorro em busca de um cirurgião. Conta que foi submetida a colecistectomia laparoscópica há 8 dias. Está prostrada e ictérica ++, queixando-se de dor em hipocôndrio direito, febre alta, náuseas e vômitos, há 2 dias. A ultrassonografia de abdome mostra a presença de moderada quantidade de líquido em ambos os espaços subfrênicos e no espaço de Morrison, além de discreta dilatação de vias biliares intra-hepáticas. Melhor conduta:

A
colangiografia endoscópica retrógrada
B
observação clínica com sintomáticos
C
punção diagnóstica e antibioticoterapia orientada pela cultura
D
exploração cirúrgica (laparotomia ou laparoscopia)
E
colangiorressonância
Menino de seis anos, branco, sem outras comorbidades, apresenta queixa de dor em virilha e face medial de joelho esquerdo há uma semana. Não se recorda de trauma que justifique a dor. Ao exame não se observa edema nem outros sinais flogísticos, apenas restrição da rotação interna e abdução do quadril esquerdo e marcha claudicante. Na radiografia de quadril observa-se aumento da densidade óssea na cabeça do fêmur. A principal hipótese diagnóstica é:
Com relação ao linfoma gástrico primário, é correto afirmar:
São condições clínicas associadas a maior risco de tuberculose:
Com relação às metástases cerebrais, é correto afirmar:
Compartilhar