Questões na prática

Clínica Médica

Neurologia

Reumatologia

Uma paciente de 45 anos apresenta-se com quadro de dores em todo o corpo, de evolução gradual há seis meses, mas que parece ter aparecido após o falecimento da sua mãe. Refere sono não reparador, fadiga intensa, insônia terminal e ansiedade. Nega rigidez matinal e emagrecimento, mas refere que as articulações lhe parecem inchadas. Ao exame físico, não há sinais de sinovite. A musculatura é dolorosa em diversos locais à palpação, mas não há fraqueza muscular. A paciente traz exames: hemograma normal, uma velocidade de hemossedimentação de 11 mm na primeira hora, uma proteína C reativa de 0,2 (para um normal de 0,5) e TSH dentro dos valores normais. Creatinofosfoquinase e aldolase também são normais. Um FAN (fator antinuclear) mostrou-se positivo, com padrão nuclear pontilhado fino denso e titulação de 1:80. Com relação a essa paciente, é INCORRETO afirmar:

A
O diagnóstico de fibromialgia deve ser considerado somente após afastadas outras causas de dor crônica.
B
Medicações que podem ser usadas para melhorar o sono desse tipo de paciente incluem a amitriptilina, a ciclobenzaprina e a nortriptilina.
C
Medicações analgésicas que podem ser consideradas incluem o tramadol e a gabapentina.
D
A polissonografia indica, na maioria desses pacientes, intrusão de ondas alfa na fase quatro do sono.
E
Não há a necessidade de se solicitar os testes de anti-dsDNA, anti-Sm, anti-Ro, anti-La e anti-RNP.
Criança de dois anos e meio apresenta há dois dias quadro de dispneia e edema, especialmente em membros inferiores. Há duas semanas, teve quadro de resfriado comum com melhora espontânea. Ao exame, a menina está em regular estado geral, FR = 44 irpm; com presença de tiragem subcostal, FC = 148 bpm; PA = 118 x 78 mmHg. Ausculta cardíaca em ritmo de galope, com sopro sistólico em foco mitral e a ausculta respiratória com estertoração bolhosa até terço médio de ambos os pulmões. Fígado palpável a 5 cm do RCD. O diagnóstico provável e a conduta imediata são:
Paciente de 58 anos, assintomático, realiza um ultrassom de abdome de rotina que demonstra um aneurisma de aorta abdominal com 4 cm de diâmetro. Assinale a alternativa que contenha a conduta mais apropriada para este paciente:
Em relação à doença de Hirschsprung, assinale a alternativa INCORRETA.
Um paciente de 80 anos de idade foi submetido a uma operação de emergência por um aneurisma de aorta roto. O paciente estava instável hemodinamicamente. O cirurgião observou uma lesão no ureter esquerdo comprometendo 50% da circunferência. A conduta mais adequada para esse caso é:
Compartilhar