Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Uma primigesta de 23 anos em trabalho de parto no pré-parto de uma maternidade apresenta, ao exame de toque vaginal, colo uterino 100% apagado, dilatado de 6 cm, feto em apresentação cefálica e membranas amnióticas íntegras. No exame de cardiotocografia intra-parto o padrão é reativo e os batimentos cardiofetais estão a uma frequência de 144 batimentos por minuto. A atividade uterina em 10 minutos é de 6 contrações, com intensidade de 50 mmHg, duração de 60 segundos e com tônus uterino normal. Dentre as medidas maternas iniciais, a mais indicada a ser adotada pelo obstetra é:

A
Administrar uterolítico.
B
Estimular a deambulação.
C
Administrar misoprostol.
D
Orientar o decúbito lateral.
Em relação à Leishmaniose visceral ou calazar, pode-se dizer que:
Uma senhora de 63 anos foi admitida no PAM após ter sido encontrada caída em sua residência. Ao exame físico, nota-se nível de consciência rebaixado (Glasgow 11), ausculta cardíaca irregular e desvio conjugado do olhar para a esquerda. ECG compatível com fibrilação atrial. TC mostra hipodensidade acometendo todo o território da artéria cerebral média esquerda, apagamento de sulcos corticais e discreto desvio de linha média. Das medidas abaixo, qual deverá ser evitada inicialmente?
Em relação aos marcos do desenvolvimento de uma criança normal, assinale a alternativa incorreta.
São efeitos colaterais do desoxicolato de anfotericina B, droga usada no tratamento da leishmaniose grave, exceto:
Compartilhar