Questões na prática

Ginecologia e Obstetrícia

Obstetrícia

Uma primigesta de 23 anos em trabalho de parto no pré-parto de uma maternidade apresenta, ao exame de toque vaginal, colo uterino 100% apagado, dilatado de 6 cm, feto em apresentação cefálica e membranas amnióticas íntegras. No exame de cardiotocografia intra-parto o padrão é reativo e os batimentos cardiofetais estão a uma frequência de 144 batimentos por minuto. A atividade uterina em 10 minutos é de 6 contrações, com intensidade de 50 mmHg, duração de 60 segundos e com tônus uterino normal. Dentre as medidas maternas iniciais, a mais indicada a ser adotada pelo obstetra é:

A
Administrar uterolítico.
B
Estimular a deambulação.
C
Administrar misoprostol.
D
Orientar o decúbito lateral.
A presença de placa fibrosa na albugínea do corpo cavernoso denomina-se:
Pedro, 2 anos de idade, chega ao PS com história de febre alta há 1 dia associada a vômitos e queda do estado geral, má perfusão periférica, sem sinais meníngeoas e sem déficits neurológicos focais e presença de petéquias em face e tronco. Realizada coleta de LCR por punção lombar, obtivemos o seguinte resultado de exame: 200 leucócitos por mm3, sendo 80% neutrófilos, proteinorraquia de 40 mg/dl e glicorraquia de 50 mg/dl. Em relação ao tratamento, o mais indicado é:
Qual das doenças abaixo NÃO apresenta relação com o coração?
Paciente masculino de 80 anos com diagnóstico de demência, ICC com fibrilação atrial recorrente, usando amiodarona regularmente, constipação com uso intenso de laxativos. Chega à consulta oftalmológica com piora importante de acuidade visual. No exame apresentava xerose conjuntival, placas esbranquiçadas em conjuntivas e ulceração com necrose da córnea. A esposa refere ter observado quedas frequentes quando o paciente se dirigia ao banheiro durante a madrugada nos últimos meses. Em relação ao quadro clínico, é CORRETO afirmar que:
Compartilhar