Questões na prática

Clínica Médica

Gastroenterologia

Vinicius, 45 anos, é empresário e viajará para Manaus a trabalho por 6 meses. Queixa-se de rouquidão pela manhã e azia há 4 anos. Sua mãe contava que ele apresentava episódios de diarreia na infância, acompanhados de distensão abdominal, cólica e assaduras (dermatite) persistentes. Na época foram retirados de sua alimentação o leite e seus derivados, sendo permitido o uso de iogurte. Evoluiu sem sintomas até a adolescência quando abandonou a dieta. Ao exame físico está eutrófico. Foram prescritos alguns medicamentos sintomáticos e inibidor de bomba de próton (IBP), proposta a investigação diagnostica e a profilaxia de doenças do viajante Vinicius está assintomático após um mês de tratamento diário com IBP. A endoscopia digestiva mostra esôfago de Barret e a histopatologia afasta displasia. A esofagomanometria revela pressão normal do esfíncter esofagiano inferior e ausência de distúrbios motores. A esofagomanometria é exame:

A
importante para determinar o tipo de válvula antirrefluxo mais adequada para o paciente com indicação cirúrgica
B
fundamental na indicação de cirurgia
C
de grande auxílio no diagnóstico de doenças da laringe
D
que tem como achado frequente hipertonia do esfíncter esofagiano inferior nos pacientes com rouquidão
Com relação às queimaduras, assinale a errada:
André, 35 anos de idade, queixa-se de dor em região lombar direita há 2 semanas, com irradiação para membro inferior direito, sem alívio com paracetamol 500 mg. Ao exame, sente dor à palpação da musculatura paravertebral e da região lombar direita. Não apresenta alterações no exame neurológico. A conduta mais adequada é:
Homem, 65 anos, no 3º pós-operatório de correção de aneurisma de aorta abdominal, internado em leito intensivo com via aérea definitiva, apresenta hipóxia com aumento da pressão da via aérea, hipotensão, oligúria progressiva, abdome tenso e distendido. Realizado USG de abdome, que não evidenciou presença de líquido livre na cavidade abdominal. Mensurada pressão intra-abdominal = 13 mmHg. Assinale a alternativa correta.
Paciente de seis anos, do sexo masculino, com história clínica de claudicação e dor na face interna da coxa e joelho direito, além de claudicação à custa do mesmo membro. No exame clínico do quadril direito, apresenta abdução de 25 graus e rotação interna de 10 graus. O diagnóstico mais provável deste paciente é:
Compartilhar