Questões na prática

Clínica Médica

Pediatria

Infectologia

Pediatria Geral

Você, ao atender uma gestante que sofreu agressão lacerante na mão esquerda por cão que não é passível de observação, em relação à profilaxia, deve-se:

A
manter a gestante em observação por 10 dias e lavar o ferimento com água e sabão.
B
lavar imediatamente o ferimento com água e sabão e iniciar imediatamente a vacina de cultivo celular com três doses nos dias zero, três e sete.
C
lavar imediatamente o ferimento com água e sabão e iniciar imediatamente a vacina de cultivo celular com sete doses nos dias zero, um três, sete, catorze, vinte e um e vinte e oito.
D
lavar o ferimento com água e sabão e iniciar imediatamente o tratamento com soro antirrábico e cinco doses da vacina de cultivo celular nos dias zero, três, sete, catorze e vinte e oito.
E
lavar o ferimento com água e sabão e iniciar imediatamente o tratamento somente com soro antirrábico, devido à gravidez.
No paciente politraumatizado, que ao ser atendido no serviço de emergência apresenta trauma torácico com escoriações e equimoses extensas no HTE, evidência de fraturas de arcos costais ao exame e ausência de MV neste lado, cianose, sudorese, palidez e dispneia intensa, qual a conduta apropriada?
São complicações precoces da banda gástrica ajustável:
Em relação à otite média aguda em crianças pré-escolares, é correto afirmar:
Paciente relata que após 18 horas do parto, a filha passou a apresentar icterícia na face e ao exame após 24 horas foi confirmado icterícia em face e tronco. A mãe é primigesta e não apresentou intercorrências durante a gestação. Recém-nascido de parto normal, com idade gestacional = 39 semanas, peso = 3200 g, choro forte, internado no alojamento conjunto com a mãe e recebendo leite materno sob livre demanda. Tipagem sanguínea da mãe O, Rh positivo e teste de Coombs indireto negativo. Recém-nascido sugando bem ao seio materno, sem outras alteraçãoes. Qual o provável diagnóstico e a conduta sequencial mais adequada:
Compartilhar