Questões na prática

Pediatria

Doenças Respiratórias

Você é o médico que está avaliando uma criança no pronto atendimento. A criança tem 10 meses de idade e diagnóstico clínico e radiológico de pneumonia adquirida na comunidade, de provável etiologia bacteriana. Em qual das situações abaixo você poderia optar corretamente por tratar ambulatorialmente essa criança sem interná-la?

A
Criança ativa, reativa, FR = 70 ipm, sem tiragens.
B
Criança ativa, reativa ao manuseio, FR = 65 ipm, tiragens subcostal e intercostal moderadas.
C
Criança sonolenta, gemente, FR = 60, sem tiragens.
D
Criança irritada, aceitando amamentação, FR = 65 ipm, com radiografia evidenciando derrame pleural à direita.
E
Criança sonolenta, recusando alimentação, FR = 60 ipm, sem tiragens.
São exemplos de cardiopatias congênitas acianogênicas de hiperfluxo pulmonar:
Lactente de 5 meses, sexo masculino, previamente hígido, há mais ou menos 6 horas evoluindo com vômitos esverdeados, distensão abdominal com abdome pouco doloroso, massa palpável em abdome e ao toque retal com saída de secreção tipo “geleia de morango”. O provável diagnóstico é:
Em relação à Parada Cardiorrespiratória (PCR) na criança, assinale a alternativa CORRETA.
Uma paciente de 48 anos, praticante de jiu-jitsu, comparece à consulta em caráter de emergência, queixando-se de quadro de vertigem. Segundo informa, suas crises têm ocorrido de forma intermitente nos últimos meses, sempre associadas a movimentos bruscos enquanto ela se encontra deitada na cama. A realização da manobra de Dix-Hallpike evoca a instalação de nistagmo horizontal com componente rápido para a direita, além de náuseas. A paciente não apresenta qualquer comprometimento auditivo. A melhor conduta para a paciente é:
Compartilhar