Ciclos da Medicina

Como escolher a especialidade médica? | Colunistas

Como escolher a especialidade médica? | Colunistas

Compartilhar

1. Introdução

Para quem sonha em ser médico desde a infância, é comum sonhar com a especialidade antes mesmo de entrar na graduação. E, ao entrar, descobrimos uma infinidade de possibilidades a se escolher para especialidade médica.

É comum no primeiro período ter mais neurocirurgiões que estrelas no céu. Ao longo dos anos, vamos nos encaixando, redescobrindo e descobrindo qual é aquela especialidade que faz nosso coração parar só de pensar nela, e também não seria exagero dizer que existe uma especialidade médica até para quem nunca pensou em seguir na área.

Ao longo do curso precisamos tomar a decisão, escolher aquela que nos trará felicidade e ao mesmo tempo a que possui “potencial de mercado”.

Qual carreira seguir?  E as mudanças que ocorrem na população e no mundo? Quais dentre as especialidades médicas possui maior potencial em não nos tornar obsoletos logo após a formação? São perguntas comuns a quem está prestes a pegar o canudo.

Fatores como a jornada de trabalho, o perfil do paciente, a remuneração, os avanços tecnológicos e como a medicina trata cada doença podem influenciar a escolha, assim como a taxa de envelhecimento da população tem transformado especialidades antes desconhecidas ou pouco faladas em grandes estrelas do futuro próximo, como é o caso da geriatria.

2. Geriatria

Especialidade médica que estuda e trata das doenças ligadas ao envelhecimento como foco na prevenção.

A pirâmide etária do país está cada vez mais invertida (mais pessoas idosas vivas e bem do crianças nascendo), ao passo que se faz necessário conseguir formar um verdadeiro batalhão de profissionais para atender as frequentes demandas de envelhecimento da população.

Uma área que, graças ao surgimento de novas drogas, não só faz atendimento a doenças típicas da velhice, como também confere qualidade de vida e prevenção no surgimentos de diversas doenças ligadas à idade.

3. Oncologia

O aumento da expectativa de vida e dos casos de doenças emocionais elevam também dos casos de doenças como câncer, e a oncologia é a especialidade que faz diagnósticos e trata tumores sólidos.

Com atuação restrita a cidades de médio e grande porte, devido a necessidade estrutural para serem realizados os tratamentos como imunoterapia, quimioterapia, a radioterapia e acesso a novas drogas.

Conheça o curso de oncologia do Sanarflix!

4. Radiologia

Apesar do medo constante de que essa especialidade em especial será substituída por máquinas num curto espaço de tempo, substituir o cérebro humano tem se mostrado mais difícil do que imaginavam os pesquisadores da área.

Por isso, “rádio” tem sido uma especialidade cada vez mais subespecializada em pungente crescimento, com congressos internacionais que ultrapassam a casa dos milhares ano a ano.

As inovações e algoritmos têm aprimorado essa prática médica. Um grande atrativo da especialidade são as jornadas de trabalho flexíveis e a boa remuneração.

Conheça o curso de radiologia do Sanarflix!

5. Conclusão

Embora a remuneração e a qualidade de vida sejam fatores a se levar em consideração na hora de escolher em qual ramo se deseja atuar na medicina, algumas especialidades como clínica médica, pediatria e ginecologia concentram o maior número de médicos ativos devido a quantidade de pacientes e ao fato de apresentarem as maiores demandas. Entretanto, existem desafios, como superlotação, necessidade de atualização constante e a qualidade do sistema de saúde que estamos inseridos, que influenciam diretamente na qualidade do serviço prestado aos pacientes.

A medicina preventiva, através da medicina de família e comunidade (MFC), vem na contramão do vivenciado até aqui ao propor o acompanhamento regular por um mesmo profissional, realização de exames periódicos e uma visão mais holística do paciente e do local onde está fixada sua residência.

Ao final de seis anos de curso, já estamos prontos para fazer nossa escolha pela especialidade que nos acompanhará por toda nossa vida profissional e, apesar de ser uma escolha difícil, é importante ter em mente que não existem escolhas ruins, pois, para nós, como médicos, não existe fracasso!

Conheça o curso de Oncologia do Sanarflix!

Compartilhe com seus amigos: