Residência Médica

Residência médica na FCM UNICAMP

Residência médica na FCM UNICAMP

Compartilhar
Imagem de perfil de Sanar Residência Médica

Residência Médica na FCM UNICAMP: edital 2022, vagas, processo seletivo, concorrência e assuntos mais cobrados. Continue lendo o post para saber tudo!

Histórico da instituição

A Universidade Estadual de Campinas, conhecida como UNICAMP, é a responsável pela Faculdade de Ciências Médicas (FCM). Instituição que oferece programas de residência médica em 47 especialidades, 36 áreas de atuação e 6 programas de anos adicionais.

Todos os programas são credenciados junto à Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM). E em como objetivo promover o treinamento e qualificação de médicos.

O que preciso saber sobre o processo seletivo?

O processo seletivo da residência da Unicamp é composto por duas fases. A primeira consiste em duas provas teóricas e a segunda é uma análise curricular. As provas cobram conhecimento nas cinco grandes áreas da medicina. 

A seleção pode ter algumas variações. Isso vai depender se a pessoa está correndo a uma vaga de programa de acesso direto ou com pré-requisito. Confira:

Acesso direto

1° fase: terá peso 90 e será constituída de 2 provas.

  • Testes de múltipla escolha (peso 35), com questões relacionadas as às áreas básicas. Cirurgia geral, clínica médica,
    obstetrícia e ginecologia, medicina preventiva e social e pediatria.
  • Dissertativa (peso 55), com 60 questões de RESPOSTAS CURTAS. Será cobrado o conteúdo programático do curso de medicina relacionado às áreas básicas de cirurgia geral, clínica
    médica, obstetrícia e ginecologia, medicina preventiva e social e pediatria.

2° Fase: análise do curriculum vitae (peso 10).

Pré-requisito

1° Fase :

  • Para o programa de cirurgia da mão, a 1° fase terá peso 90. Será constituída de uma prova de testes de múltipla escolha (peso 40), com 50 questões. E uma prova escrita dissertativa (peso 50), com 10 questões. O conteúdo cobrado é relacionado com os programas de pré-requisitos.
  • Para o programa de mastologia, a 1° fase terá peso 90. Será composta por uma prova de testes de múltipla escolha, e 50 questões relacionadas ao programas pré-requisito.

2° Fase: análise do curriculum vitae (peso 10).

Atuação clínica

1° fase: prova de testes de múltipla escolha (peso 90). Serão 70 questões relacionadas ao programa pré-requisito.

2ª fase: análise do curriculum vitae (peso 10).

Atuação cirúrgica ou pediátrica

1° fase: prova de testes de múltipla escolha (peso 90). Serão 80 questões relacionadas aos programas de pré-requisito.

2° fase: análise do curriculum vitae (peso 10).

Anos adicionais em transplante

1° fase:

  • Endoscopia ginecológica: prova de múltipla escolha, com peso 50, contendo 40 questões versando sobre o respectivo programa de pré-requisito. E Prova teórico-prática, com peso 40.
  • Administração em saúde: prova escrita dissertativa contendo 5 questões versando sobre o respectivo programa de pré-requisito.
  • Medicina fetal e ultrassonografia em ginecologia e obstetrícia: prova de múltipla escolha contendo 40 questões sobre o respectivo programa.
  • Angioradiologia e cirurgia endovascular: prova escrita dissertativa contendo 5 questões versando sobre o respectivo programa de pré-requisito.
  • Endoscopia digestiva e hepatologia: prova de múltipla escolha contendo 30 questões versando sobre o respectivo programa de pré-requisito.
  • Hansenologia: prova escrita constituída de 16 questões de testes múltipla escolha. E 2 questões dissertativas versando sobre o respectivo programa.
  • Transplante de córnea, de medula óssea ou de rim-nefrologia: prova dissertativa com 5 questões sobre o respectivo programa.
  • Hemodinâmica e cardiologia intervencionista, infectologia hospitalar, neurofisiologia clínica ou psicogeriatria e psiquiatria da infância e adolescência: prova escrita dissertativa contendo 5 questões versando sobre o respectivo programa de pré-requisito.
  • Transplante de fígado ou rim-urologia: prova escrita dissertativa contendo 3 questões versando sobre o respectivo programa de pré-requisito.

2° fase: de peso 10, constará de análise do curriculum vitae.

Assuntos mais cobrados na prova da Unicamp

É importante saber quais são os assuntos que mais caem o processo seletivo. Como a maioria das provas, os candidatos devem se preparar para estudar conteúdos das cinco grandes áreas da medicina. Cirurgia, Clínica Médica, Ginecologia e Obstetrícia, Pediatria e Preventiva.

Cirurgia

É preciso estar preparado(a) para responder questionamentos sobre:

  • ATLS
  • Abdome agudo
  • Queimadura
  • Cuidados perioperatórios
  • Dissecção da aorta
  • Alterações vasculares e arteriais 

Clínica médica 

É preciso estar preparado(a) para responder sobre:

  • Intoxicações exógenas
  • Bradicardia e taquicardia
  • Hipertensão arterial
  • Insuficiência cardíaca
  • Síndrome coronariana aguda

Ginecologia e Obstetrícia  

É preciso se preparar para responder questões sobre:

  • Parto
  • Assistência pré-natal
  • Anticoncepção
  • Prematuridade
  • Síndrome hipertensivas na gestação

Pediatria 

É preciso estar preparado(a) para responder questões sobre:

  • Emergências pediátricas
  • Gastrocirurgia pediátrica
  • Diarreia
  • Cardiopatias
  • Doenças infecciosas

Preventiva  

A prova de preventiva com frequência traz questões sobre os princípios do SUS, conceitos da atenção primária, ética médica e medicina do trabalho. 

Editais 2022 – Residência médica na FCM UNICAMP

A Unicamp divulgou os editais para o processo seletivo de Residência Médica 2022. A divulgação aconteceu no dia 05 de outubro, por meio do site da universidade.

As vagas são para especialidades de  acesso direto, com pré-requisito e áreas de atuação. Os interessados devem realizar as inscrições no site da Unicamp.

Cronograma – Acesso Direto

  • Período de Inscrições: 13 a 27/10/2021;
  • Taxa de Inscrição: R$ 480;
  • 1ª fase: 20/12/2021;
  • 2ª fase: 17 a 19/01/2022;
  • Resultado final: 31/01/2022;
  • Período de Matrícula: 08 e 09/02/2022; e
  • Início do programa: 03/03/2022.

Vagas – Acesso Direto

Cronograma

Confira as vagas de:

Pré-requisito

Área de atuação cirúrgicas

Especialidade e áreas de atuação pediátricas

Ano adicional e área de atuação clínicas

Vagas – Anos adicionais em transplantes

Como é a concorrência da prova de Residência Médica Unicamp?

No último processo seletivo, as especialidades mais concorridas foram:

  • Neurocirurgia
  • Cirurgia geral
  • Dermatologia
  • Psiquiatria
  • Otorrinolaringologia

Relação de inscritos por vaga

Ver a relação das notas de corte dos programas de residência

Revisão para prova de residência médica na FCM Unicamp 

O resultado do processo seletivo depende do número de vagas oferecidas de cada programa. Com base nisso, os que obtiverem maiores pontuações são convocados.

Para entrar no clima, aproveite para assistir a aula de revisão pré-prova. Os professores da Sanar Residência Médica comentaram algumas questões.

Confira: 

O que esperar da residência médica na FCM UNICAMP?

A instituição é considerada um dos maiores hospitais universitários do país e um centro de referência nacional em serviços terciários.

O Hospital de Clínicas, centro de prática do residente, recebe pacientes de quase todos municípios de São Paulo. Atendendo-os em em praticamente todas as 44 especialidades, além das subespecialidades. 

Isto significa que além de tradição e fama, o hospital possui alto fluxo de pacientes. O que fornece ao residente a possibilidade de ampla experiência, seja qual for a especialidade desejada. 

Para aqueles que gostam e desejam realizar pesquisa, a instituição se destaca com o número de publicações internacionais e nacionais que publica anualmente.

O residente pode, portanto, esperar da residência médica aprendizado ímpar e em um dos mais altos padrões de excelência no país. 

Sugestão de leitura complementar