Carreira em Medicina

Como ser um médico militar e as principais vantagens e desvantagens

Como ser um médico militar e as principais vantagens e desvantagens

Compartilhar
Imagem de perfil de Carreira Médica

A carreira de médico militar é mais uma oportunidade das possibilidades de empregos na medicina. Esta é bastante peculiar, mas pode ser incrivelmente realizadora para quem se adequar ao perfil.

Neste post explicamos como ser um médico militar e quais são as principais vantagens e desvantagens para um médico seguir essa carreira! Continue lendo e saiba mais sobre o assunto.

Como ser um médico militar?

Diferente do médico tenente, aquele que serve, de forma temporária ao serviço militar por 1 ano logo após a sua formatura, o médico militiar precisa fazer concurso.

Existem dois tipos de concurso militar: os nacionais e os regionais. Para ambos é necessário já possuir residência médica ou o título de especialistas. Além disso, é preciso ter menos de 36 anos de idade.

É possível realizar concursos para os 3 âmbitos da forças armadas do Brasil: Exército, Marinha e Aeronautica. Cada um tem seu processo seletivo individual, sendo:

  • Exército: realizado pela ESFCEX, que ocorre divulga editais em agosto;
  • Aeronáutica: o concurso costuma a ser realizado no início do ano, entre os meses de fevereiro e março;
  • Marinha: esse processo ocorre maio e julho, pois o curso de formação se inicia logo em janeiro.

O processo seletivo

Os processos seletivos, geralmente são compostos por mais de 3 fases, podendo conter:

  • Prova objetiva;
  • Teste de Aptidão física (corrida e natação);
  • Verificação de documentações;
  • Inspeção de saúde, tanto física como psicológica;
  • Prova de títulos.

Após serem aprovados, os futuros médicos médicos militares já pasaram a receber seus salários, mesmo tendo que realizar cursos preparatórios com longos períodos.

Qual o local de trabalho do médico militar?

O médico militar irá trabalhar em hospitais, ambulatórios, policlínicas que pertencem as Forças Armadas Brasileiras. Eles são responsáveis pelo atendimento de militares e de sua família.

Além disso, pode ainda haver a convocação para missões em comunidades e locais remotos do país.

Vantagens da carreira médico militar:

Elencamos algumas vantagens que a carreira de médico miliitar proporciona. Veja algumas delas abaixo:

Estabilidade

Assim como todo concurso público no Brasil, o concurso para a carreira de médico militar possibilitar estabilidades. Essas são tanto empregatícia, com a certeza de que não será demitido – a menos que você infrinja alguma regra ou cometa algum crime militar; como também em relação ao pagamento do salário, sem atraso.

Remuneração

Assim que é aprovado no processo seletivo da Marinha, por exemplo, o Primeiro-Tenente passará a receber remuneração de cerca de R$10 mil mensais. Ou seja, muito acima da médica salarial de alguns concursos públicos.

Segundo dados do piso salarial de 2022, a faixa salarial de um médico militar fica torno de R$11.118,92. O teto salarial é de R$23.478,05. Vale lembrar que esse médico passa por planos de carreira, aumentando seus salário.

Para saber mais informações de quanto ganha um médico militar, acesse nosso texto: Quanto ganha um Médico Militar?

Benefícios

Além da estabilidade, alguns benefícios são dados aos médicos militares:

  • Aposentadoria integral e em menor tempo que as demais profissões;
  • 13º salário;
  • Férias e dicional de férias;
  • Soldo extra para o nascimento de cada filho;
  • Adicional por mérito (pós-graduação, cursos);
  • Auxílio fardamento;
  • Moradia subsidiada;
  • Facilidade para escola pública de qualidade (colégios militares);
  • Plano de saúde para toda a família.

Para as mulheres, ainda há um outro atrativo na carreira militar, já que não são em todos os lugares da carreira médica que se têm direitos tão importantes quanto a licença maternidade.

Ambiente de Trabalho e Coleguismo

Respeito e cordialidade são características inerentes ao círculo militar. O trabalho é desenvolvido de forma multidisciplinar e existe o respeito as patentes, mas também a parte técnica.

Hierarquia e Disciplina

As bases das Forças Armadas, embora assustem no início, são elementos com os quais nos acostumamos e incorporamos. Esses princípios de hierarquia e de disciplina ajudam muito na construção de um ambiente de trabalho que funciona.

Desenvolvimento pessoal

As Forças Armadas incentivam o desenvolvimento físico, intelectual e humanístico do militar, através da participação em pós-graduações e cursos (na área médica ou militar), competições desportivas, missões humanitárias. Existem realmente oportunidades de se ter experiências bem motivadoras e enriquecedoras.

Desvantagens da carreira médico militar:

Como todas as escolhas, não temos apenas vantagens. Confira agora as principais desvantagens da carreira do médico militar:

Carga Horária

Teoricamente, você será militar 24 horas por dia e 7 dias por semana podendo ser chamado a qualquer hora. Na prática, a carga horária é muito variável a depender do local de trabalho (batalhão x hospital) e também do comandante.

De modo geral, nos hospitais trabalha-se em regime de meio expediente com escalas de plantões para cobertura de noite e finais de semana (também varia de acordo com a especialidade), nos batalhões o expediente é de 7h ás 17h.

As transferências pelo território são mais comuns no exército e bem menos na aeronáutica e marinha. Contudo, o progredir na carreira militar muitas vezes depende dessas movimentações e nem todos estão dispostos.

Outras atividades

Na medida que se progride na carreira militar, tende-se a assumir cargos de comando e chefia. Isso pode fazer com que você se torne mais próximo da administração e menos da parte técnica da medicina – então tenha isso em mente.

Sendo assim, o médico militar de alta patente dificilmente vai ficar atendendo pacientes ou participando de cirurgias. Muito provavelmente, estará preocupado em resolver problemas, gerar documentos e relatórios, analisar dados e cuidar dos seus subordinados.

Embora tenha colocado como ponto negativo, esta percepção depende muito das suas aspirações pessoais para a sua carreira.

Dúvidas sobre seguir a carreira de médico militar? Temos uma dica!

Para aqueles médicos que tem dúvidas se corresponde ao perfil de um médico militar, a dica que a Sanar oferece é servir 1 ano antes da residência. Essa é uma forma de conhecer melhor o serviço, como funciona regime militar.

Afinal, além de ser um período de enriquecimento pessoal, dá pra fazer um “pé-de-meia” para começar a residência com uma reserva. Assim, você precisará dar menos plantões fora, aliviando a rotina pesada da residência médica.

Além disso, quem vai de forma voluntária tem a prerrogativa de escolher o hospital e a cidade onde vai servir.

Sugestão de leitura complementar

Veja também: