Dermatologia

Resumo sobre eczema (completo) – Sanarflix

Resumo sobre eczema (completo) – Sanarflix

Compartilhar

SanarFlix

6 minhá 216 dias

Definição

O termo eczema é frequentemente usado ​​indistintamente de dermatite. Quando o termo eczema é usado sozinho, ele geralmente se refere a dermatite atópica. No entanto, segundo a sociedade brasileira de dermatologia, eczema é um tipo de dermatose que se caracteriza por apresentar vários tipos de lesões. Inicialmente observam-se eritema, pápulas e/ou vesículas, exsudação e crosta.   

As dermatoses eczematosas são comuns, representando aproximadamente 10 a 30% das consultas dermatológicas em diferentes populações e grupos étnicos. Tipos específicos de dermatite eczematosa são mais comuns em algumas faixas etárias. Por exemplo, a dermatite atópica é muito mais comum em crianças do que em adultos, enquanto o eczema numular é tipicamente visto em adultos mais velhos.

Eczema atópico ou dermatite atópica 

O eczema atópico é reconhecido como uma doença de base genética, com expressão variável e influenciada por factores ambientais. É uma doença inflamatória da pele, de caráter pruriginosa, que ocorre com mais frequência em crianças, mas também afeta adultos. O aspecto é de pele seca, prurido intenso e hiper reatividade cutânea a vários estímulos ambientais. 

A apresentação clínica varia com a idade. A face, o couro cabeludo e as superfícies extensoras dos membros estão envolvidas em bebês e crianças pequenas. As áreas de flexão estão envolvidas em crianças mais velhas e adolescentes e as mãos e rosto estão envolvidos em adultos. O tratamento de dermatite atópica leve a moderada são inicialmente tratados com corticosteróides tópicos e emolientes. Pacientes com dermatite atópica moderada a grave que não é controlada com terapia tópica inicial podem requerer tratamento com fototerapia, imunossupressores tópicos ou sistêmicos para atingir o controle adequado da doença. 

Eczema atópico ou dermatite atópica
fonte: VisualDX.com
eczema de contato
Fonte: SBD

Eczema de contato ou dermatite de contato 

Eczema de contato refere-se a qualquer dermatite decorrente da exposição direta da pele a uma substância. Existem dois tipos de dermatite de contato a irritativa e a alérgica. Na dermatite alérgica de contato, um alérgeno induz uma resposta imune, enquanto na dermatite irritante de contato, a própria substância desencadeadora danifica diretamente a pele. Os alérgenos ou irritantes comuns incluem plantas, metais (por exemplo, níquel em joias), conservantes, fragrâncias, cosméticos e antibióticos tópicos.

A dermatite alérgica, muitas vezes, provoca uma erupção vermelha no local em que a substância entrou em contato. A reação alérgica surge de 24 a 48 horas após a exposição. Na dermatite irritante, os sintomas são mais discretos, com pouca coceira e sensação de dor e queimação. Ela torna a pele seca, vermelha e áspera, sendo que fissuras podem se formar no local. As mãos são um local comum da dermatite de contato.. 

Eczema de contato ou dermatite de contato
O níquel nos brincos causava essa dermatite no lóbulo da orelha e no pescoço. Fonte: SBD
dermatite alérgica
Dermatite alérgica. Fonte SBD.

Eczema seborreico 

O eczema seborreico, ou dermatite seborreica, é uma inflamação cutânea crônica e bastante comum, que possui períodos de piora e remissão, caracterizada por manchas eritematosas, descamativas em algumas áreas da face, couro cabeludo e orelhas. Para pacientes com dermatite seborréica, o tratamento é feito com creme, para tronco ou e região intertriginosa, e soluções faciais, para o rosto, de corticosteróide tópico de baixa potência, agentes antifúngicos tópicos (cetoconazol o mais utilizado) ou uma combinação dos dois. 

 

Eczema seborreico ou dermatite seborreica.
Eczema seborreico. Fonte: SBD

Eczema numular 

O eczema numular é uma dermatite inflamatória que se caracteriza por lesões eritematosas discóides, pruriginosas e bem delimitadas, dispersas pelos membros superiores e inferiores.É mais frequente em indivíduos do sexo masculino com idade superior a 50 anos. A sua etiologia é desconhecida, embora já tenham sido identificados fatores associados ao seu aparecimento, nomeadamente xerose cutânea, alergia de contacto aos metais e sensibilização ambiental a aeroalérgenos.  O tratamento inclui a aplicação de emolientes e corticoides tópicos. Na maioria dos casos o prognóstico é excelente, com remissão das lesões após duas a quatro semanas de tratamento.

Eczema de estase

A eczema de estase, ou dermatite de estase, é uma dermatose inflamatória dos membros inferiores inferiores, simétrica, que ocorre em pacientes com insuficiência venosa crônica. A má drenagem da região se apresenta com manchas eritematosas, descamativas, eczematosas e hiperpigmentação nas pernas cronicamente edematosas. O manejo envolve o tratamento da insuficiência venosa. 

Dermatite de estase – Wikipédia
Eczema de estase. Fonte: Wikipédia

Eczema disidrósico ou disidrose

As erupções disidrosiformes são lesões vesiculares, pruriginosas, mais comumente nas extremidades dos membros, geralmente de caráter crônico e recidivante. Representam cerca de 20% dos quadros eczematosos das mãos. Os fatores que desencadeiam as desidroses ainda não estão estabelecidos, dificultando sua terapêutica. O tratamento geralmente envolve medidas gerais de higienização das mãos e o uso de corticóides tópicos de alta potência. 

Eczema disidrósico
Erupções disidrosiformes

Posts relacionados:

Compartilhe com seus amigos:
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.