Residência Médica

Melhores Residências em Cardiologia | Ligas

Melhores Residências em Cardiologia | Ligas

Compartilhar

Para as melhores residências em cardiologia, escolhemos algumas dentre as diversas que existem no Brasil. Optamos pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia (IDPC), Beneficência Portuguesa (BP) e o Hospital de Clínicas da UNICAMP.

A cardiologia é a área médica que se estuda o coração e os grandes vasos. A residência tem como pré-requisito ter residência em clínica médica, tem duração de 2 anos e envolve bastante dinamismo, a qual a sua rotina pode ser de admitir paciente leves ou até mesmo lidar com pacientes em estado crítico na UTI. É a 7ª especialidade mais procurada e a 8ª maior de número de especialistas com 15.598 representando 4,1% dos especialistas de modo geral. O médico cardiologista no brasil recebe um salário médio de R$5.977,19 para uma jornada de trabalho de 22 horas semanais. Os residentes que optarem por se subespecializarem terão que fazer um novo processo seletivo e tem duração de 2 anos.

Metodologia

Determinar a melhor residência na especialidade cardiologia, é um trabalho árduo e minucioso. Neste momento apenas apontaremos as melhores com base na expertise dos especialistas entrevistados e critérios objetivos.

FMUSP

A FMUSP possui 54 programas de treinamento em áreas médicas reconhecidas, são 883 vagas credenciadas distribuídas em especialidades com acesso direto e com pré-requisito. Parte da residência pode ser cumprida no Hospital Universitário (HU) da USP, ou no Hospital das Clínicas da FMUSP (HCFMUSP), ou em unidades básicas de saúde. A residência apresenta carga horária anual de 2.880 horas (60 horas semanais), sendo 80-90% da carga horária de estágios práticos, o tempo restante é dirigido a atividades teórico-pedagógicas complementares.

O Instituto do Coração (INCOR) do HCFMUSP é um hospital público universitário de alta complexidade, especializado em cardiologia, pneumologia e cirurgias cardíacas e torácicas. É um polo de atendimento a nível nacional e internacional, se destacando como um grande centro de pesquisa e ensino. É um dos três maiores centros de cardiologia do mundo em volume de atendimento e número de especialidades de cardiologia reunidas.

Também é o maior centro de ciência em cardiologia na américa latina e pioneiro no Brasil na introdução de várias tecnologias de última geração em diagnóstico por imagem.

IDPC

O IDPC tem três programas de Residência na área Cardiovascular: Cardiologia Clínica com 66 vagas, Cirurgia Cardiovascular com 8 vagas e Cirurgia Vascular com 4 vagas; e apresenta 68 nas áreas de atuação específica (R3) como: Ecocardiografia – 15 vagas, Eletrofisiologia Clínica Invasiva – 12 vagas, Ergometria – 10 vagas, Hemodinâmica – 13 vagas, Cardiologia Pediátrica – 12 vagas, Cirurgia Endovascular – 4 vagas e Transplante Cardíaco – 2 vagas, sendo o acesso obtido por meio de concurso público.

A residência contém 60 horas semanais de atividades teóricas e práticas, com carga horária total de 2.880 horas/ano. Sendo 2.304 horas (80%) prática e 576 horas (20%) teórica.

O IDPC é reconhecido como uma das mais prestigiadas instituição especializada na área cardiovascular, não só pela introdução de inúmeras técnicas diagnósticas e terapêuticas como pelas pesquisas pioneiras realizadas.

BP

O hospital BP possui atendimento especializado em cardiologia 24 horas por dia. Sua estrutura conta com um parque hemodinâmico de altíssima tecnologia e que é considerado o maior da América Latina. O hospital também possui uma Unidade Cardiológica Intensiva, com leitos dedicados ao cuidado intensivo dos clientes nesta especialidade.

UNICAMP

A Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp oferece programas de residência médica em 47 especialidades, tem 6 vagas para cardiologia e com carga horária de 60 horas semanais.

O HC é um dos pilares de excelência da saúde pública do estado de São Paulo. É considerado um dos maiores hospitais universitários do país e um centro de referência nacional em serviços terciários.

Conceito da Sociedade Brasileira de Cardiologia

A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) é a maior sociedade de cardiologia latino-americana. Ela é responsável pela organização do concurso de Título de Especialista em Cardiologia e, junto com o Fundo de Aperfeiçoamento de Pesquisa em cardiologia (SBC/FUNCOR), estimulam o aprimoramento e a pesquisa científica/tecnológica no campo da cardiologia. Tem como objetivo ampliar e difundir o conhecimento em ciência cardiovascular, representar e promover o desenvolvimento do cardiologista, realizar ações em prol da saúde cardiovascular no país e ser referência em associativismo médico e científico em âmbito nacional e internacional.

Conclusão sobre as melhores residências em cardiologia

Antes de escolher a residência e a instituição, o estudante deve avaliar alguns requisitos como: perfil do paciente que se deseja atender, gasto e retorno financeiro, tempo de investimento em formação e local em que se deseja trabalhar. Além do perfil do cardiologista de ser paciente e dinâmico.

Não há como concluir qual é a melhor residência médica de cardiologia, visto que há diversas no Brasil que são bem conceituadas. Porém, sabe-se que São Paulo é o polo do Brasil, então tudo que é de mais moderno chega primeiro lá. Portanto, as residências em São Paulo são privilegiadas, tendo a FMUSP como a de maior destaque.

Trata-se de uma área que necessita de estudo e atualizações contínuas e é um curso longo, o qual pode chegar a 12 anos de formação e ter residência e mercado de trabalho concorrido. Entretanto, a conclusão da residência de cardiologia permite trabalhar em qualquer local do país, já que as doenças cardiovasculares são muito prevalentes e possuem uma demanda bastante significativa em todo o mundo.

Opinião dos especialistas

Dr. Guilherme de Albuquerque Cavalcanti Mendes: “a qualidade da residência médica em cardiologia depende muito da estrutura física dos hospitais e do que eles podem oferecer. Além disso, àqueles que apresentam um vínculo universitário acoplados a sua estrutura saem na frente, visto que une a prática médica à produção científica. Na minha opinião, a FMUSP apresenta uma estrutura acadêmica, científica, cirúrgica e hemodinâmica bastante eficaz. ”

Dr. Jairo Leal Soares Junior: “Para mim, as melhores residências médicas em cardiologia se localizam no estado de São Paulo, pelo simples motivo de que todas as atualizações médicas internacionais chegam primeiro lá. Claro que há outras residências em outros locais como o PROCAPE no Recife, o Hospital Pro-Cardíaco no Rio de Janeiro e o Hospital do Coração de Messejana em Fortaleza que também possuem destaque nacional. Porém, as residências de São Paulo são mais conceituadas e apresentam maior prestígio, sendo em ordem decrescente o Instituto do Coração do HCFMUSP, o Hospital Sírio-Libanês, o Instituto Dante Pazzanese e o Hospital Beneficência Portuguesa. ”

Autores, revisores e orientadores:

  • Autor(a): Bruno Leal Martins – @brunooleaal
  • Revisor(a): Letícia Figueirôa Silva – @lefigueiroa
  • Orientador(a): Dr. Guilherme de Albuquerque Cavalcanti Mendes – @guilherme.acmendes
  • Liga: Liga Acadêmica de Cardiologia da Paraíba – CARDIOLIGA-PB – @cardioligapb
Sanar-Residência-Médica-Trial-Extensivo-R1-2021

Confira o vídeo:

Posts relacionados:

Compartilhe com seus amigos:
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.