Outros

Abdome agudo perfurativo

Abdome agudo perfurativo

Compartilhar

Sanar Pós Graduação

4 minhá 9 dias

Abdome agudo perfurativo é um dos cinco tipos de abdome agudo e representa uma perfuração de víscera oca no trato gastrointestinal. Lembre-se que trauma não é abdome agudo. Perfurações por ferimento de arma branca ou arma de fogo são classificadas como trauma abdominal penetrante e não como abdome agudo perfurativo.

Causas do abdome agudo perfurativo

  • Úlcera péptica
  • Divertículo perfurado
  • Neoplasia
  • Corpo estranho
  • Isquemia com perfuração

Sinais e sintomas do abdome agudo perfurativo

  • Dor súbita, intensa, aguda, difusa e persistente, o que faz o paciente chegar rapidamente no pronto-socorro.
  • Dor piora com o movimento. Por isso, geralmente o paciente fica imóvel, em posição fetal.
  • Peritonite (decorrente da liberação de ácido clorídrico, bile ou fezes na cavidade abdominal).
  • Sinal de Jobert: perda da macicez hepática durante a percussão do hipocôndrio direito, que indica a presença de perfuração de víscera oca em peritônio livre, como na úlcera péptica.  
  • Durante a palpação do abdome, há rigidez involuntária com descompressão brusca positiva em todo o abdome (“abdome em tábua”).
  • Palidez e sudorese.
  • Pode evoluir para o choque séptico.

Exames de imagem

Radiografia simples de tórax e abdome

  •    Raio-x de tórax póstero-anterior em posição ortostática;
  •    Raio-x de abdome anteroposterior em decúbito dorsal;
  •    Raio-x de abdome anteroposterior em posição ortostática.

Caso o paciente não consiga ficar em ortostase, pode ser feita a radiografia em decúbito lateral esquerdo.

Tomografia de abdome com contraste

Deve ser realizada se a radiografia não evidenciar o diagnóstico.

A USG não tem utilidade em casos de abdome agudo perfurativo.

Achados característicos do abdome agudo obstrutivo

Pneumoperitônio

Visto na radiografia de tórax. Indica a presença de ar entre o diafragma e o fígado (mais comum) ou entre o diafragma e estômago.

Rotina de abdome agudo. a) Radiografia de tórax em ortostatismo e b) radiografia de abdo­me em decúbito lateral. Pneumoperitônio (setas). Fonte: Diagnóstico por Imagem no Abdome Agudo não Traumático

Tratamento

Cirúrgico- Laparotomia exploradora ou videolaparoscopia, se o paciente estiver hemodinamicamente estável.

Em casos de úlceras, ulcerorrafia com Patch de epíplon. A manobra do Borracheiro confirma se ainda há perfuração.

Além disso, mantém-se o inibidor de bomba de prótons por 60 dias e erradica-se o Helicobacter pylori caso seja positivo.

Curso gratuito em Medicina de Emergência

Confira também nosso CURSO GRATUITO EM MEDICINA DE EMERGÊNCIA.

Referências

Kendall, J. & Moreira, M. (2020). Evaluation of the adult with abdominal pain in the emergency department. In R Hockberger (Ed.). Uptodate.

Twonsend CM et al. SABISTON – TRATADO DE CIRURGIA. 18° Edição. Elsevier;. Rio de Janeiro – RJ. 2010

Monteiro A, Lima C e Ribeiro E. Diagnóstico por imagem no abdome agudo não traumático. Revista do Hospital Universitário Pedro Ernesto, UERJ, 2009.

Crédito:

Pessoas vetor criado por pch.vector – br.freepik.com

Compartilhe com seus amigos:
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.