Cardiologia

Insuficiência cardíaca: sintomas, classificação e causas

Insuficiência cardíaca: sintomas, classificação e causas

Compartilhar

Sanar Pós Graduação

4 min há 19 dias

A Insuficiência cardíaca (IC) é uma síndrome clínica neuro-hormonal caracterizada pela incapacidade do coração de fornecer débito cardíaco suficiente para atender a demanda metabólica tecidual ou pela realização deste à custa de elevadas pressões de enchimento (pré-carga).

Classificação da insuficiência cardíaca

Existem diversas classificações para IC. As mais utilizadas na prática clínica utilizam os seguintes critérios:

  1. A gravidade dos sintomas (classificação funcional da New York Heart Association – NYHA)
  2. Tempo e progressão da doença (diferentes estágios da American Heart Association- AHA)
  3. A fração de ejeção do ventrículo esquerdo (FEVE)
Classificação pela gravidade dos sintomas, segundo New York Heart Association (NYHA)
Estágios da IC, segundo American College of Cardiology/American Heart Association (ACC/AHA).
ICFEr: insuficiência cardíaca com fração de ejeção reduzida, ICFEi: insuficiência cardíaca com fração de ejeção intermediária, ICFEp: insuficiência cardíaca com fração de ejeção preservada. FEVE: fração de ejeção do ventrículo esquerdo

Fatores de risco

  • Cardiopatia isquêmica (principal causa no mundo)
  • Hipertensão arterial sistêmica
  • Doença de Chagas ( especialmente na presença de dados epidemiológicos sugestivos)
  • Cardiomiopatia
  • Drogas (bloqueadores de canal de cálcio, agentes citotóxicos)
  • Toxinas (álcool, cocaína)
  • Doenças endócrinas (diabetes, hipo/hipertireoidismo, Cushing, insuficiência adrenal, feocromocitoma, hipersecreção do hormônio do crescimento)
  • Nutricional (deficiência de selênio, tiamina, obesidade, caquexia)
  • Infiltrativa (sarcoidose, amiloidose, hemocromatose)
  • Doenças extracardíacas (fístula arteriovenosa, beribéri, doença de Paget, anemia)

Sinais e sintomas da insuficiência cardíaca

Sintomas típicosSinais típicos
OrtopneiaTerceira bulha cardíaca (B3- ritmo de galope)
Dispneia paroxística noturnaRefluxo hepatojugular
DispneiaPressão venosa jugular aumentada
Intolerância ao exercícioIctus cordis desviado para esquerda
Fadiga
Tabela com sinais e sintomas típicos da IC

Diagnóstico

O diagnóstico da IC é baseado nos achados dos sinais e sintomas típicos em pacientes com fatores de risco, associado a exames complementares que corroboram a hipótese diagnóstica, principalmente raio-X, eletrocardiograma e ecocardiograma.

Para diagnóstico de IC, são necessários dois critérios maiores ou um maior e dois menores que não possam ser atribuídos a outra patologia.

Baixe o Guia da Pós em Medicina de Emergência

Não deixe a sua carreira para depois! Prepare-se para os casos mais desafiadores do PS com a Pós em Medicina de Emergência.

Conheça a nossa metodologia drive-by-doctor e os professores que irão te acompanhar durante esta jornada.

Referências

  1. Bochi EA, Marcondes-Braga FG, Bacal F, Ferraz AS, Albuquerque, D, Rodrigues D, et al. Sociedade Brasileira de Cardiologia. Atualização da Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Crônica – 2012 Arq Bras Cardiol 2012; 98 (1 supl.1): 1-33.
  2. Braunwald E, Fauci AS, Kasper DL, Hauser SL, Longo DL, Jameson JL. Harrison Medicina Interna. 15ª edição. McGraw-Hill Interamericana, 2002.
  3. Magalhaes CC, Serrano Jr CV, Consolim-Colombo FM, Nobre F, Fonseca FAH, Ferreira JFM. Tratado de Cardiologia da SOCESP. 3ª edição. Manole, 2015.

Créditos:

Pessoas vetor criado por pch.vector – br.freepik.com

Compartilhe com seus amigos:
Política de Privacidade. © Copyright, Todos os direitos reservados.